UFRN
Laboratório de Sistemas Ubíquos e Pervasivos (UPLab)
Coordenação
Edgard de Faria Corrêa (DIMAp)
Ivanovitch Medeiros Dantas da Silva (IMD)
Descrição
A missão do UPLab está voltada a formação de recursos humanos e ao desenvolvimento e pesquisas nas áreas relacionadas a sistemas ubíquos e pervasivos.

O laboratório desenvolve soluções de hardware e software que englobam os temas como Cidades Inteligentes, Internet do Futuro, Redes Sem Fio, Computação Móvel, Redes Definidas por Software, Virtualização de Funções de Rede, Internet das Coisas, e Plataformas Híbridas Reconfiguráveis (HW e SW). 
Objetivos
Os objetivos do UPLab são:
● Pesquisa e desenvolvimento de técnicas, ferramentas e aplicações que visem atender a demanda dos sistemas computacionais ubíquos e pervasivos, como redes de comunicação, aquisição, processamento e gerenciamento de dados e contextos distribuídos em ambientes inteligentes.
● Desenvolvimento integrado de aplicações e sensores/atuadores inteligentes que possam atender necessidades de projeto e do mercado de sistemas ubíquos e pervasivos.
● Busca de soluções em inovação tecnológica que permitam atender à sociedade e impulsionar o cenário de tecnologia da informação do estado.
Infraestrutura
Atualmente o UPLab conta, entre outros, com os seguintes equipamentos:
● Computadores embarcados de hardware aberto Rapsberry PI e BeagleBone.
● Kits de sensores Arduinos com sensoriamento diversificado (GPS, umidade, temperatura, gases tóxicos, etc.)
● Sensor de movimentos Microsoft Kinect.
● Placa routerboard Mikrotik.
Missão
A missão do UPLab está voltada a formação de recursos humanos e ao desenvolvimento e pesquisas nas áreas relacionadas a sistemas ubíquos e pervasivos.
Contexto
Computação pervasiva é aquela onde a interação homem máquina pode ser imperceptível ao usuário, ocorrendo não somente da forma tradicional, através de interfaces como teclados, mouses e telas, mas também de interações mais naturais, como gesto, fala, visão e movimento.

Na computação ubíqua os computadores estão em todos os lugares e em todos os momentos, interagindo com o ser humano sem que ele tenha consciência disso.

Computação ubíqua e pervasiva é a computação que está distribuída e onipresente no ambiente de forma perceptível e imperceptível ao usuário. Para isso, o ambiente terá diversos dispositivos heterogêneos que realizam a aquisição, o processamento e o gerenciamento de dados distribuídos, agindo de forma cooperativa, descentralizada e distribuída. Entre os principais desafios da computação ubíqua e pervasiva, estão: a diversidade de dispositivos, a descentralização do processamento e a conectividade móvel.

A diversidade de dispositivos pode incluir desde sensores e atuadores de vários tipos, estações de trabalho ou computadores móveis (tablets, smartphones, etc.) até dispositivos computacionais não tradicionais, como eletrodomésticos, objetos (chaveiros, portaretratos, etc.), dentre outros.

As tarefas de processamento de dados, conexão, monitoramento e coordenação de dispositivos são descentralizadas e distribuídas entre os vários dispositivos heterogêneos. Esses dispositivos cooperam entre si e formam um ambiente inteligente, que permite um uso eficiente e integrado de aplicações e sensores/atuadores inteligentes.

A conectividade desses dispositivos envolve diversas redes heterogêneas cabeadas ou sem fio, de longa, média ou curta distância que devem funcionar de forma inteligente e adaptativa à mobilidade de usuários e dispositivos comum em sistemas ubíquos e pervasivos.

Nesse contexto, o Laboratório de Sistemas Ubíquos e Pervasivos (UPLab) trabalha com a proposta de encontrar novas soluções de computação ubíqua e pervasiva, através de pesquisas, desenvolvimento e inovação concentrados nas áreas de redes de comunicações e ambientes inteligentes, sendo um elo entre a sociedade, as instituições científicas e o mercado.
Pessoal
getPessoal() as $pessoa) { ?>