IMD | Instituto Metrópole Digital

Notícias

29 dez 2020/ ASCOM

Parque Metrópole se destaca em 2020 por internacionalização, eventos e conquistas

Marcado por desafios e incertezas, o ano de 2020 ficará registrado na história de muitas empresas e colaboradores. Nunca a forma de se trabalhar, investir e otimizar o tempo foi tão diferente, mas, apesar de tudo isso, o Parque Tecnológico Metrópole Digital não perdeu tempo e buscou, ao longo desses 12 meses, se aproximar ainda mais de seu principal objetivo: se tornar um grande polo de tecnologia para o Estado do Rio Grande do Norte.

Em 2020, colaboradores do Parque Tecnológico e de sua incubadora de empresas, a Inova Metrópole, acompanharam uma série de iniciativas que marcaram o progresso da instituição a nível municipal, estadual e nacional. Eventos online, webinars, incentivo à internacionalização e conquistas em processos seletivos são os principais destaques do ano. Acompanhe a seguir os pontos altos de 2020 do Parque Tecnológico.

Eventos

O ano de 2020 do Parque Metrópole foi marcado pela promoção e participação de eventos online, além de iniciativas de fomento ao empreendedorismo e financiamento de ideias tenológicas inovadoras.

Em janeiro, antes da ocorrência da pandemia de Covid-19, houve a promoção do primeiro Breja & Business de 2020, evento em que comumente se debate diferentes assuntos relacionados a tecnologia em um momento de descontração e socialização. Nessa edição, o Breja abordou, junto a diferentes profissionais, comunicação institucional para empresas de TI.

Em abril, após o início do isolamento social, a Inova Metrópole ofereceu uma série de consultorias online sobre diferentes temas, voltadas a negócios de pequeno porte. A ideia foi auxiliar, gratuitamente, pequenos empreendedores durante o difícil momento de isolamento social.

No mês seguinte, em maio, a incubadora acompanhou a feliz classificação de algumas de suas empresas incubadas no edital Centelha, iniciativa que visa auxiliar economicamente ideias e negócios inovadores em Tecnologia da Informação (TI). A contratação das empresas classificadas aconteceu em julho.

Agosto foi um mês repleto de programações online. Foi nesse período que o Parque Metrópole comemorou aniversário e, na ocasião, apresentou o seu novo mapa: quadruplicando sua antiga área de abrangência e contemplando, com isso, sete bairros de Natal, além do Campus Universitário.

Além disso, o Parque Tecnológico e a Inova Metrópole fizeram parte do maior evento online de empreendedorismo do Estado, o GO!RN, encontro voltado ao ecossistema empreendedor potiguar que trouxe como proposta “substituir” o Startup Day, realizado pelo Sebrae-RN desde 2015. Na ocasião, houve apresentação de 114 palestras, três plenárias (sendo uma internacional), painéis e minicursos, além de shows de abertura.

Ao final de outubro, também foram promovidos eventos sobre Lei de Proteção de Dados (LGPD) e, em novembro, o Parque ofereceu, em parceria com a Anjos do Brasil, um webinar específico sobre investimento anjo para startups.

Internacional

O tema internacionalização também foi um dos principais assuntos abordados ao longo do ano de 2020. A partir de agosto, o Parque promoveu, em parceria com a Rede de Fomento à Internacionalização – e com órgãos como Sebrae, Fiern, Governo do RN, Prefeitura do Natal e Rede Potiguar de Incubadoras e Parques Tecnológicos (Repin) – uma série de eventos para discutir diferentes temas relacionados à exportação de negócios.

Intitulado “Internacionaliza RN”, os encontros virtuais abordaram assuntos como expansão de mercado, marketing internacional, práticas e legislações sobre exportação de negócios e inserção no mercado europeu. Todos os encontros estão gravados no canal do YouTube da instituição.

No último mês do ano, o polo de tecnologia também foi destaque nacional. Isso porque colaboradores do Parque foram convidados para participar da elaboração da Carta Brasileira para Cidades Inteligentes, documento do Governo Federal que apresenta uma agenda com orientações às cidades inteligentes brasileiras para os próximos anos.

Além disso, o projeto “Transforma RN” – feito em parceria com o Sebrae, Fiern, Agência de Fomento do RN (AGN) e Governo do Estado – foi aprovado pelo programa Digital BR, da Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI). A iniciativa nacional, que contou com 17 propostas de diferentes Estados, conferiu ao projeto um aporte financeiro de R$ 1,5 milhão.

Outras Notícias

28 dez 2020 por
ASCOM

Cursos online, projetos sociais e ações contra a Covid-19 marcam 2020 do IMD

Acompanhe a retrospectiva do ano e saiba o que mais marcou o IMD em 2020


UFRN | CURSO | COVID-19
09 nov 2020 por
ASCOM

Docentes do IMD se despedem do professor Álvaro de Oliveira e relembram contribuições

Falecido na última quinta-feira (05), docente atuou junto Smart Metropolis e Parque Tecnológico


UFRN | DOCÊNCIA